O que realmente importa...

Minha foto
São Paulo, Brazil
Cheguei ao final do ano de 2009 totalmente estressada e esgotada devido as preocupações do dia-a-dia, com trabalho, estudo, e etc. Na verdade, eu não tinha nenhum problema específico. Apenas, era pessoa ansiosa e preocupada demais com o dia de amanhã. Mas como está na palavra de Deus: "...basta a cada dia o seu mal". Eu precisei passar por um sofrimento muito grande, pra enxergar que na verdade, as minhas preocupações, as minhas ansiedades não mereciam as noites de sono mal dormidas, a depressão que estava querendo tomar conta de mim! Sem querer negligenciar todo resto, eu aprendi que nada nesta vida tem realmente importância, a não ser, a vida daqueles que amamos...estes sim, são o que realmente têm importância em nossa vida... Eu tenho uma filha e um marido maravilhosos, que eu Amo, e que são bençãos que Deus me deu! Eu tenho familiares maravilhosos que eu Amo muito... E tenho amigos maravilhosos que amo muito também...Enfim, tanto pra agradecer ao Senhor! Mas só depois que eu perdi a minha amada sobrinha Júlia, foi que tive a real dimensão da importância de todos eles em minha vida! Todos eles são o que realmente importa pra mim! Todo o restante é secundário...07/2010

Seguidores

domingo, 6 de setembro de 2020

Quando o Amor encontra a Fé...

Imagem extraída do Google 

                Essa semana, eu tive que dar uma saída de manhã. E aproveitei, para ir à pé, e fazer uma caminhada – já que nessa quarentena, tive que parar com todas as minhas atividades.

            Atravessei uma avenida movimentada aqui de minha cidade, e já ia atravessar para o outro lado; mas vinham tantos carros, que acabei permanecendo no canteiro central.

            Passaram por mim, alguns homens com um tripé e alguns outros equipamentos. Achei que se tratava de fiscais do radar móvel. Ao me aproximar, para minha surpresa, me deparei com o Sr. Jairo orando com as mãos elevadas para o céu. Só então me dei conta, que estava passando em frente ao hospital. E aquela, era uma equipe de TV!

            O Sr. Jairo - para quem não sabe - é um pai que há mais de quarenta dias, faça chuva ou sol – pedala aproximadamente 14 km, e para em frente ao hospital em que seu filho permanece internado, vítima da Covid. Com o seu filho na UTI e as visitas proibidas, esse pai vai todo “santo” dia orar e clamar a Deus pela vida do filho. 

            Eu já tinha visto a imagem dele na internet. As enfermeiras do hospital tiraram a foto, que viralizou nas redes sociais e páginas de notícias de minha cidade, logo depois.  Fiquei sensibilizada e até compartilhei a história, em minha página.

            Alguns dias atrás, ao assistir o jornal da hora do almoço, me deparei com a reportagem, contando a história de fé e amor, desse pai que ora sem cessar, por seu filho.

            Eu e meu marido paramos para assistir. E soubemos da história em detalhes: desde o dia 22 de julho, o seu filho Daniel de 27 anos, está internado por complicações da Covid. Teve que ser entubado e permaneceu um mês na UTI. 

            O pai, para poder ficar mais perto do filho, resolveu ir de bicicleta e orar em frente ao hospital, todos dias! Na reportagem ele afirmou:

             “Venho todos os dias, faça chuva, sol ou feriado. Estaciono minha bicicleta, faço minhas orações e, depois, volto para casa cantando. É meu ato de fé, um jeito de pedir que Deus tome providências sobre a vida do meu filho”.

E justamente no dia da gravação, as enfermeiras fizeram uma surpresa, e levaram seu filho à janela para acenar para ele... Essa cena emocionou a todos que assistiram! 

Sem que nos déssemos conta, eu e meu marido já estávamos com as lágrimas rolando em nossas faces... Até comentei com ele: que vontade de ir lá, dar um abraço no Seu Jairo e orar junto com ele!

À partir desse dia, nunca mais nos esquecemos de pedir pelo seu Jairo e seu filho Daniel, em nossas orações. Meu filho, às vezes no início da oração, já pede pelos dois!

E voltando ao que aconteceu, esses dias: de repente, me vi frente a ele -  lá, com as mãos levantadas para o céu, orando. Não parei para orar junto, porque nesses dias atípicos que estamos vivendo, creio que formar uma aglomeração ali, só iria atrapalhá-lo. Mas ao passar por ele, não pude deixar de bater em seu ombro, e lhe dizer (nem sei se ele ouviu direito, porque estava concentrado, orando):

- Seu Jairo: estamos orando pela cura do Daniel! Que Deus abençoe, em nome de Jesus!

Continuei o meu caminho, e passei um bom tempo do dia, emocionada...

As orações do Sr. Jairo, com certeza chegaram aos céus: seu filho, aos poucos - está melhorando! 

Essa é uma daquelas histórias que aquecem o coração...

Sei que muitos perderam a batalha para esse vírus tão devastador! E muitos sofrem com suas perdas. Para esses, peço que o Espírito Santo de Deus os console!

Quanto ao seu Jairo:   com seu ato tão lindo de fé e amor - tocou à mim, profundamente! E certamente, tocou a muitos, mais!  

E com certeza, há uma multidão -  clamando e orando junto com ele, pela vida do seu filho! Que Deus abençoe a ele e a todos os que estão doentes - com a cura, em nome do Senhor Jesus!

 

“E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência, e a paciência a experiência, e a experiência a esperança”.                                                                                                                                         

                                                                                                       Romanos 5: 3-4

3 comentários:

  1. Verdade,me emocionei quando vi essa matéria na tv sol de Indaiatuba, é um pai de muita fé,ele percorre 13km de bicicleta todos os dias e vem orar pela recuperação do filho que está internado na UTI do Santa Inês aqui em Indaiatuba .que gesto de amor e de esperança ❤️��

    ResponderExcluir
  2. Que história emocionante Adelisa!

    Que Daniel seja curado em nome de Jesus!

    ResponderExcluir
  3. Rosana Portes Almeida8 de setembro de 2020 16:45

    Muito lindo o amor desse pai��

    ResponderExcluir

Olá! Seu comentário me deixa muito feliz! Responderei assim que possível em seu blog ou e-mail.