O que realmente importa...

Minha foto
São Paulo, Brazil
Cheguei ao final do ano de 2009 totalmente estressada e esgotada devido as preocupações do dia-a-dia, com trabalho, estudo, e etc. Na verdade, eu não tinha nenhum problema específico. Apenas, era pessoa ansiosa e preocupada demais com o dia de amanhã. Mas como está na palavra de Deus: "...basta a cada dia o seu mal". Eu precisei passar por um sofrimento muito grande, pra enxergar que na verdade, as minhas preocupações, as minhas ansiedades não mereciam as noites de sono mal dormidas, a depressão que estava querendo tomar conta de mim! Sem querer negligenciar todo resto, eu aprendi que nada nesta vida tem realmente importância, a não ser, a vida daqueles que amamos...estes sim, são o que realmente têm importância em nossa vida... Eu tenho uma filha e um marido maravilhosos, que eu Amo, e que são bençãos que Deus me deu! Eu tenho familiares maravilhosos que eu Amo muito... E tenho amigos maravilhosos que amo muito também...Enfim, tanto pra agradecer ao Senhor! Mas só depois que eu perdi a minha amada sobrinha Júlia, foi que tive a real dimensão da importância de todos eles em minha vida! Todos eles são o que realmente importa pra mim! Todo o restante é secundário...07/2010

Seguidores

quarta-feira, 19 de março de 2014

Falta de controle...

Imagem extraída do Google
Este é o meu cabelo!
Quando vi essa imagem identifiquei-me de pronto! E essa frase é extremamente verdadeira...
O meu cabelo vive me lembrando disso!
A frase é cômica, pois é de uma mulher descabelada... Achei graça, e me lembrei do meu: pois é rebelde como ele só!
Nos dias em que não tenho nenhum compromisso, ele fica bonito, cacheado, brilhante! E aí, quando preciso que ele fique assim para ir a algum lugar especial ou uma festa, o "bendito" se arrepia todo, não vira para o lado certo e os cachos se desmancham...
No dia na minha entrevista, deu uma chuva antes de eu ir, e depois o tempo esquentou. Como ficou meu cabelo no dia? Uma porcaria, rebelde que ele só! 
Às vezes ele trabalha na previsão do tempo, pois se vai chover, ele começa a arrepiar bem antes. Aí eu já sei que vai cair um toró! Cabelo também é meteorologia! 
Talvez existam cabelos mais obedientes, mas como sou avessa às chapinhas, tenho que aguentar os desmandos do meu! 
Mas, agora falando sério, essa imagem me fez lembrar de um versículo da Palavra de Deus, que nos faz refletir sobre a nossa falta de controle sobre as coisas da vida: "nenhuma folha cai das árvores, nenhum fio de cabelo se desprende de uma cabeça, sem que Deus o saiba". E assim é a vida... Às vezes esquecemo-nos de que não somos soberanos.  E queremos ter o controle de tudo! 
Mas aí vêm as dificuldades, as frustrações, as angustias, as decepções. E só então nos lembramos de que não somos autossuficientes. Que a nossa vida, o nosso dia-a-dia, e o nosso futuro a Deus pertence!
Que não somos capazes de segurar ou fazer nascer um fio de cabelo sequer, se Deus assim não o permitir!
Então, por que tantas vezes somos tão orgulhosos, teimosos e arrogantes? Por que andamos sempre tão ansiosos?
Por quê??
Essa imagem me fez rir de imediato, mas olhando mais a fundo, me fez refletir!  
E hoje, fica aqui a minha reflexão...

5 comentários:

  1. Bela reflexão!!!

    Com Jesus no controle, sempre somos mais que vencedores!

    Amei ver você lé no meu cantinho, volte sempre...

    Em Cristo,
    ***Lucy***

    ResponderExcluir
  2. O ser humano sempre gostou de controlar, mas muitas vezes a vida dos outros, porque a nossa vida essa é difícil ou impossível de controlar num todos, quando pensamos que estamos no controlo logo surge algum que nos escapa. Cabelos? Eu não falo nisso, voaram como folhas, sumiram, mas para mim isso não é problema. Palavras, pensamentos, e actos esses é que são problemas, mas no entanto o Grande Ajudador está no controlo.
    Tudo de bom.
    António.

    ResponderExcluir
  3. Juliana Parizotto3 de abril de 2014 13:35

    O meu cabelo também é metateológico e tem vontade própria...

    e a arrogância do homem em se esquecer de Deus e realmente triste..

    ResponderExcluir
  4. Quanto dramalhão por uma coisa que se resolve com uma simples progressiva ou relaxamento. Affe.

    ResponderExcluir
  5. Kkkkkkkkkkkkkk
    Achei muito engraçado!
    Mas é verdade viu...oh vida difícil que não dá pra entender. Não podemos controlar mas podemos aprender com as experiências que atravessamos pelo vale até aonde Deus permitir
    Bjs

    ResponderExcluir

Olá! Seu comentário me deixa muito feliz! Responderei assim que possível em seu blog ou e-mail.