O que realmente importa...

Minha foto
São Paulo, Brazil
Cheguei ao final do ano de 2009 totalmente estressada e esgotada devido as preocupações do dia-a-dia, com trabalho, estudo, e etc. Na verdade, eu não tinha nenhum problema específico. Apenas, era pessoa ansiosa e preocupada demais com o dia de amanhã. Mas como está na palavra de Deus: "...basta a cada dia o seu mal". Eu precisei passar por um sofrimento muito grande, pra enxergar que na verdade, as minhas preocupações, as minhas ansiedades não mereciam as noites de sono mal dormidas, a depressão que estava querendo tomar conta de mim! Sem querer negligenciar todo resto, eu aprendi que nada nesta vida tem realmente importância, a não ser, a vida daqueles que amamos...estes sim, são o que realmente têm importância em nossa vida... Eu tenho uma filha e um marido maravilhosos, que eu Amo, e que são bençãos que Deus me deu! Eu tenho familiares maravilhosos que eu Amo muito... E tenho amigos maravilhosos que amo muito também...Enfim, tanto pra agradecer ao Senhor! Mas só depois que eu perdi a minha amada sobrinha Júlia, foi que tive a real dimensão da importância de todos eles em minha vida! Todos eles são o que realmente importa pra mim! Todo o restante é secundário...07/2010

Seguidores

terça-feira, 24 de junho de 2014

Os invernos de nossas vidas...

Este texto eu postei em setembro de 2012. É uma reflexão sobre como me sinto a cada inverno...
Como ele já chegou, estou fazendo uma re-postagem.
Que este inverno seja diferente, mais "quente" e iluminado!

“Mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão.” Isaías 40:31.

"Hoje acordei pensando nas estações do ano.
E como me sinto a cada inverno...
É engraçado, mas invariavelmente a cada final de inverno, eu sinto como se minhas forças estivessem quase se extinguindo.
Creio que sou movida à energia solar! E todo inverno, eu acabo perdendo um pouco de minhas forças...
É a estação do ano em que a luz solar diminui, os dias às vezes são cinzentos e a temperatura esfria.
Pois a minha alma no inverno, sente a falta de calor, assim como meu corpo...
Chego ao final de cada inverno, cansada, com a imunidade baixa e meio tristonha.
Tento me animar, reagir, mas todo ano é assim...
O inverno, creio que inconscientemente, me remete aos momentos difíceis e tristes por que passei nessa vida!
O curioso, é que na maioria das vezes, estes momentos ocorreram na estação mais quente do ano, o verão.
Só que pra mim, era como se todos aqueles dias fossem cinzentos e frios...
Mas, o bom dessa vida é que tudo está sempre se renovando!
E depois de cada inverno, a primavera chega com suas flores, sua luz e seu calor...
E aí o desânimo, o cansaço e a tristeza vão indo embora. Vou sentindo aos poucos, minhas forças sendo renovadas!
O sol vai brilhando um pouco mais a cada dia, assim como minha alma...
E penso que talvez, se não existissem os “invernos” em nossas vidas, as nossas “primaveras” e “verões” não seriam tão encantadores, tão estimulantes e tão abençoados...
Obrigada Senhor, por cada estação do ano, e por cada “estação” de minha vida!"

6 comentários:

  1. Lindo texto minha amiga!
    Realmente um texto encorajador e de fé em dias melhores.

    Tenha um lindo dia!

    ResponderExcluir
  2. Ricardo de Faria Barros30 de junho de 2014 20:36

    Lindo, lindo, lindo...

    ResponderExcluir
  3. Quando vc cita : 'Chego ao final de cada inverno, cansada, com a imunidade baixa e meio tristonha'.... fora o sono que a gente fica no inverno, é muito cruel.
    Penso como você, onde o inverno vem e nos deixa do jeito que ele deixa, prá gente ter ânimo na primavera e no verão.
    Parabéns pelo texto simples e real.

    ResponderExcluir
  4. Belo texto, Adelisa; dá até vontade de correr pro sofá com pipocas e cobertor e assistir um bom filme europeu. Ah, a minha maninha Cynthia Giarin pensa como você pois ela nasceu em pleno verão (no apogeu da primavera, como diz o grande Gil).

    ResponderExcluir
  5. Juliana Parizotto15 de julho de 2014 14:06

    Texto muito lindo...
    Que o calor esteja presente me sua vida, pelas mãos de Deus.

    ResponderExcluir

Olá! Seu comentário me deixa muito feliz! Responderei assim que possível em seu blog ou e-mail.